quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

Feliz 2009

"... Veio para o que era Seu,
e os Seus não O receberam..."


(Do Evangelho da Missa de 31/12/08, Jo 1,1-18)

Há uma semana celebrámos o Natal. Lemos que Maria e José tiveram que se refugiar à pressa num curral para o Menino nascer "porque não havia lugar para eles...". Se pensarmos bem veremos que mesmo aí - na gruta - eles eram uns "intrusos" porque os verdadeiros donos daquele buraco eram obviamente os animais. Impressionante não é? ...

Hoje lemos que os Seus - isto é eu... tu... não O recebemos... não O reconhecemos... Amanhã é outro ano. Não faz grande diferença, é só rasgarmos o calendário e a agenda velhos e mudarmos para outros novos... O que faria - sim - uma grande diferença seria rasgarmos tudo o que em nós é ainda Antigo Testamento - este nosso coração velho, e substituí-lo por outro: novo, limpo, transparente, onde o Senhor possa escrever a Sua história, gravando a fogo o Seu nome de modo que nunca mais O deixemos de reconhecer...

BOM ANO!!!

Teresa Olazabal

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Natal 2


(O Verbo) veio ao que era seu; mas os seus não O receberam
No Evangelho de dia 25

NASCEU!

"...O nascimento de Jesus deu-se do seguinte modo: Maria, Sua Mãe, noiva de José, antes de terem vivido em comum, encontrara-se grávida por virtude do Espírito Santo. ..."
(Do Ev. da Missa de 24/12/08, Mt 1,1-25)

"Maria encontrara-se grávida..." e nós - por virtude do Espírito Santo - encontramos "grávidos" também (uns em maior, outros em menor grau): grávidos da Bondade, grávidos da Alegria, grávidos da Verdade, grávidos do Perdão, grávidos da Santidade, grávidos da Humildade, grávidos da Gratuidade, grávidos do AMOR..., ..., ...,
GRÁVIDOS DE DEUS!
E será na medida em que "dermos à luz" estes dons - espalhando-os pelo mundo, isto é: será na medida em que dermos testemunho do Senhor e do Evangelho, que acontecerá verdadeiramente NATAL! EM NÓS, À NOSSA VOLTA, NO MUNDO!

Nesta última partilha, era isto que queria deixar a todos à laia de BOAS FESTAS:

QUE SEJAMOS ANUNCIADORES DA BOA NOVA:
O MUNDO TEM ÂNSIA DE DEUS...
E DEUS TEM ÂNSIA DE CADA CRIANÇA, DE CADA MULHER E DE CADA HOMEM

JESUS TEM ÂNSIA DE TI... DE MIM!!!
DEIXA-O VIR... NASCER... CRESCER!

Teresa Olazabal

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Natal 1



Uma luz brilhou par aqueles que habitavam nas sombrias regiões da morte...
(da 1ª leitura missa do Galo).

Se...

"Estou à porta e bato, diz o Senhor. Se alguém ouvir a Minha voz e Me abrir a porta, entrarei em sua casa, cearei com ele e ele coMigo."
(Da "Antífona da Comunhão" da Missa de 23/12/08, Ap. 3,20)

O nosso Deus é realmente "estonteante" de humildade, de delicadeza, de ternura, de respeito, de liberdade... Qual de nós ficaría à porta de alguém a bater e à espera... sem condições? Sem insistir? Sem berrar? Sem dar pontapés? Sem insultar?

"SE...!!!" = "Se ouvires a Minha voz..." "Se Me abrires porta..." "Se quiseres..." "Se... era capaz de ser bom para os dois: tu coMigo, Eu contigo... a cear, a conversar... a pôrmos a vida em dia... Possso entrar? .. Estou ao teu dispôr... Queres? Posso?"

"...SE..." = a palavra-chave deste diálogo...

"SE Me disseres que não...
EU CONTINUO À TUA ESPERA!"

"SE..."

Teresa Olazabal

segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

João Bosco, rebelde sonhador

A Província Portuguesa da Sociedade Salesiana vai levar a efeito no próximo dia 10 de Janeiro de 2009, às 15 horas, no anfiteatro do Centro Pastoral Paulo VI em Fátima, a representação da peça teatral “João Bosco, rebelde sonhador” que é levada à cena pela companhia do Teatro Experimental de Cascais (TEC).

Tal representação, que contempla diálogos, dança, música e coreografias, dá a conhecer a vida e obra de S. João Bosco, fundador da Congregação Salesiana e do Instituto das Filhas de Maria Auxiliadora (salesianas).

Com esta representação em Fátima pretende-se não só divulgar a figura de S. João Bosco como também assinalar os 150 anos da fundação da Congregação Salesiana.

Para ajudar a custear as despesas com o espectáculo a organização pede 10 € por pessoa.

Assim como Maria

"Naquele tempo, Maria disse: 'a minha alma glorifica o Senhor e o meu espirito se alegra em Deus meu Salvador... O Todo Poderoso fez em mim maravilhas, Santo é o Seu nome'...!"
(Do Ev da Missa de 22/12/08, Lc. 1,46-56)


Neste fim de Advento, podiamos PARAR e pensar - com Maria - as maravilhas que o Senhor já fez em nós - em ti... em mim... São tantas e tão grandes! Muitas vezes não vemos, não ligamos, distraídos e alhedos... ou com "falsa modestia" dizemos que não... esquecidos que é do próprio Deus que estamos a desdenhar, a Ele que estamos a minimizar, não a nós!... porque TUDO O QUE TENHO E TUDO O QUE SOU - 95% - é obra do Senhor em mim. Os 5% de resto, são a minha parte que consiste - SÓ - em acolher as maravilhas do Senhor. Se eu O deixar, se não O travar, Ele estará todo o dia, toda a hora a derramá-las em mim!!! Vamos PARAR... e senti-las, gozá-las, agradecê-las, desvanecer-me, derreter-me - ou seja - cantar com o coração cheio de festa e humildade:

"A minha alma glorifica o Senhor
e o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador"

Teresa Olazabal

sábado, 20 de dezembro de 2008

O Roque e a Amiga

Personagens à procura de enredo,
que se cruzam nas esquinas
como tangentes apressadas,
imagens projectadas que se beijam
no ecran das expectativas alheias.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2008

Está quase...

"...Que será chamado 'Emanuel' que quer dizer Deus connosco..."
(Do Ev. da Missa de 18/12/08, Mt 1,18-25)

O que acontece quando quero falar com os "grandes" deste mundo? Meto requerimentos, faço telefonemas, espero semanas, meses, insisto, e quase sempre não consigo que me atendam - não me recebem, não sou suficientemente importante para que lhes valha a pena "gastar" tempo comigo... Com Deus - O Grande dos Grandes, O Senhor dos Céus e da Terra, O Mais Importante de Todos os Importantes - é fácil, falo SEMPRE que quiser porque ... Ele ESTÁ CONNOSCO! Não é incrível? Um DEUS CONNOSCO, sempre aqui, sempre disponível, sempre atento, sempre à espera que eu queira olhar para ELE... Ó Senhor és um Deus incrível! Obrigado por eu ser tão querida e importante para Ti.


"Nos dias de Herodes, rei da Judeia, vivia um sacerdote chamado Zacarias cuja esposa era descendente de Aarão e se chamava Isabel. ... Não tinham filhos porque Isabel era estéril e os dois eram de idade avançada..."
(Do Evangelho da Missa de 19/12/08, Lc 1,5-25)

Todos sabemos o "happy end" da história = foi-lhes concedido um filho pela graça do Senhor. Contra tudo e contra todos... porque a Deus nada é impossível! Com Ele e nEle, a esterilidade dos nossos actos e das nossas vidas tornam-se fecundidade iluminada... Com Ele e nEle, não é a velhice dos nossos corações que nos impede de anunciar a Fé e a novidade de Jesus... O Senhor tem tanta urgência, tanta necessidade que o mundo se transforme, que é em nós que pega - estas misérias "estéreis" e de "idade avançada" = sem forças, sem garra e sem esperança - para com Ele gerar um mundo NOVO EM AMOR! Neste Advento, o tempo do SIM... que Lhe vou responder?

PORQUE A DEUS NADA É IMPOSSÍVEL!!!

Teresa Olazabal

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

Para o Herói que há dentro de todos nós :)



Apeteceu-me partilha com vocês....
Espero que gostem.

Verse 1:
There's a hero, if you look inside your heart.
You don't have to be afraid of what you are.
There's an answer, if you reach into your soul,
And the sorrow that you know will melt away.

Chorus:
And then a hero comes along, with the strength to carry on,
And you cast your fears aside, and you know you can survive.
So when you feel like hope is gone,
Look inside you and be strong,
And you'll finally see the truth, that a hero lies in you.

Verse 2:
It's a long road, when you face the world alone.
No one reaches out a hand for you to hold.
You can find love, if you search within your self,
And the emptiness you felt will disappear

(Chorus)
And then a hero comes along, with the strength to carry on,
And you cast your fears aside, and you know you can survive.
So when you feel like hope is gone,
Look inside you and be strong,
And you'll finally see the truth, that a hero lies in you.

Lord knows, dreams are hard to follow.
But don't let anyone, tear them away- ay ay.
Hold on-on, there will be tomorrow.
In time, you'll find the way.

(Chorus)
And then a hero comes along, with the strength to carry on,
And you cast your fears aside, and you know you can survive.
So when you feel like hope is gone,
Look inside you and be strong,
And you'll finally see the truth, that a hero lies in you.

That a hero lies in... you
That a hero lies in... you

luzes e lágrimas


Nem sei bem porquê,
mas pareceu-me apropriada esta imagem.

Deus desce até nós!!!

"Genealogia de Nosso Senhor Jesus Cristo, filho de David, filho de Abraão: Abraão gerou Isaac... ".
(Do Ev. da Missa de 17/12/08, Mt 1,1-17)

...Gosto tanto de ler esta lista infindável de nomes que vão desde Abraão até Jesus durante 42 gerações! Gente de toda a espécie, santos uns, pecadoras outros (ladrões, corruptos e indignos), reis, e plebeus, humildes, pobres e ricos, homens e mulheres de todas as classes. O nosso Deus é HOMEM como nós, descende de bons e de maus, Ele assume em Si todo este povo da mesma maneira e com o mesmo amor que me assume a mim - agora - com a minha história... Supera todas as indignidades, não Se suja por causa disso, nEle todas as nódoas desaparecem. Não vem de uma descendência PERFEITA... Não fica a "olhar para trás" a ruminar o que houve, a ruminar o que fiz ... quer que me transforme e me limpe a partir do Seu coração onde me recebe tal como sou e donde sairei - se quiser - uma criatura nova... É tão bonito ter um Deus que é humano desta maneira...

Um Deus que "desce" até ao homem,
para que o homem "suba" até Ele!
ALELUIA!!!

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

Eles acreditaram

"...Jesus disse-lhes 'em verdade vos digo: 'os publicanos e as mulheres de má vida irão diante de vós para o Reino de Deus'... 'vós não acreditastes, ...mas eles acreditaram..."
(Do Ev. da Missa de 16/12/08 Mt 21,28-32)

Mas então como é? Com a minha vida tão direitinha, as contas em dia, sem roubar nem cometer adultério... Até vou á Missa, rezo o terço, faço por aí umas coisitas pelos outros... vou ser ultrapassada por uma mulher de má vida - uma pecadora publica, toda a gente sabe a vida que leva... ou por um publicano, esse nojento cobrador de impostos?

"...mas eles acreditaram...!"

Um dia ouvi um jovem sacerdote dizer: "iremos ter uma grande surpresa quando chegarmos ao Céu: vamos andar á procura dos "santos" que TINHAM POR FORÇA QUE LÁ ESTAR... e não é que nos bancos deles vão estar sentados os que juraríamos pela nossa honra que nunca poderiam "lá" entrar...?"

"...mas eles acreditaram...!"

...Acreditaram que o Menino que está para vir é tão grande, tão grande, tão grande que até é maior do que o pecado! Acreditaram que o Senhor que vai nascer é tão grande, tão grande, tão grande, que por eles até Se fez pequenino para vir salvá-los! Acreditaram que o "Deus connosco" é tão grande, tão grande, tão grande, que lhes oferece um colo para se sentarem quando, cansados da vida que levavam, procuraram refúgio onde chorar amargamente o seu arrependimento...

"... MAS ELES ACREDITARAM...!

Teresa Olazabal

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

warning

caríssimos tás-à-toanos,
aproximam-se as férias (interrupção lectiva para ser mais correcto, que isto de férias deve ter pouco) e não voltámos a falar do nosso 'mini-retiro' de Inverno, mas convinha saber como vai ser... quanto mais tarde ficar decidido, mais difícil será conciliar a agenda.
aliás, mais que isso, passo a comunicar que nesta fase, provavelmente já não estarei disponível nas datas que ficaram a pairar (26... 27... qualquer coisa por aí)

talvez seja melhor não guardar estas decisões para quando nos reunirmos todos de novo.
o que há a dizer sobre isto?

bjinhos e abraços

Mostrai-me, Senhor, os vosos caminhos

"Mostrai-me, Senhor, os vossos caminhos."
(Refrão do Salmo da Missa de 15/12/08,do Sl 24)

Sim, ó Deus, mostra-mos! Porque os Teus caminhos não são os mesmos que os meus e por isso tantas vezes me esbarro, tantas vezes escorrego, tantas vezes me perco, tantas vezes não encontro a porta, tantas vezes hesito ao chegar à encruzilhada, tantas vezes desemboco num beco sem saída, tantas vezes me aflijo por não ver nenhum caminho... Sinto-me perdida e só, cheia de frio e de medo... Ó querido Deus, eu sei que não sei caminhar sozinha e por isso Te peço humildemente:

"Mostrai-me, Senhor, os vossos caminhos"

Teresa Olazabal

domingo, 14 de dezembro de 2008

Preparai o caminho do Senhor

"...Preparai o caminho do Senhor..."
(Da "Aclamação do Evangelho" da Missa de 13/12/08, Lc. 3,4)

O que será "o caminho do Senhor"? É aquela estrada escondida no interior do meu peito que vai até ao coração... e para onde quase sempre evito olhar... O Senhor quer-me ajudar a desbravar esse caminho, isto é: a varrer, limpar, iluminar, tapar buracos, derrubar barreiras e muros que fui construindo ao longo da vida. Quer fazê-lo comigo porque a "comunhão" é a Sua marca! Depois, o meu coração até é capaz de ter o aspecto de um berço... Onde Ele se iria sentir bem... Não achas que era bom?

Teresa Olazabal

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

Ele está quase a chegar...

"Naquele tempo disse Jesus à multidão: ... Veio João Baptista, que não comia nem bebia e dizem que tem o demónio com ele.
Veio o Filho do Homem que come e bebe, e dizem: é um glutão e um ébrio..."

(Do Evangelho da Missa de 12/12/08, Mt 11,16-19)

Pois é... Quem não quer... arranja mil razões para se justificar. É "preso por ter cão, e preso por não ter". E assim vou andando "numa boa", estou de bem com todos, a coisa até dá para tudo, E CONTINUO A "ADIAR" A VIDA! Até quando? Que arrepio ao ler "multidão" em vez de "discípulos"...! É bem diferente não é? Faço parte duma multidão (uma amálgama) que se arrasta, ou de um grupo (com nomes) que "VIVE"?

Mas Jesus não desiste...
PORQUE O AMOR NÃO PODE VIVER SEM AMAR!

Teresa Olazabal

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

Não temas...

"Sou Eu, o Senhor, teu Deus, que te seguro pela mão e te digo: 'Não temas, Eu venho em teu auxílio'..."
(Da 1ª. leitura da Missa de hoje, Is. 41, 13-20)

São de uma beleza incrível todas as leituras que nos preparam para a vinda do Senhor. Porque será? Não será a partir da beleza, a partir de uma história de Amor que os corações se abrem para "dar passagem" e para arranjar lugar? O Senhor não me quer perder... Ele quer vir... Segura-me pela mão e tranquiliza-me: "não temas, Eu estou aqui, não te abandono..." "Mas, e aquela doença, aquele tsunami, aquela incompreensão, aquele drama...?" "Péra aí! Dá tempo... um dia verás como o Senhor tava LÁ, a mão estendida para te amparar, amar, ajudar a aguentar, chorar contigo..."

"EU SOU O SENHOR TEU DEUS... NÃO TEMAS!"
MARAVILHA DE DEUS!VAMOS DIZER-LHE "VEM!" NESTE NATAL?
Teresa Olazabal

Que o Senhor venha para todos nós, hoje em especial para a nossa Joaninha que faz aninhos!!!
Beijaços a todos, a ela em especial.

quarta-feira, 10 de dezembro de 2008

Continuando a preparar a Sua vinda

"Naquele tempo Jesus percorria todas as cidades e aldeias ensinando nas sinagogas, pregando o Evangelho e curando todas as doenças..."
(Do Evangelho da Missa de 06/12/08, Mt. 9, 35-10,1.6-8)

Naquele tempo... e neste tempo! É... Jesus anda por aí percorrendo as ruas da nossa cidade, ensinado nas nossas Igrejas... e pregando o Evangelho. Aproveita para nos "falar" a partir de tudo e de todos... Tenta chegar a mim de "uma outra maneira" porque sabe que eu O acho "um saco"... É capaz de Se meter comigo no elevador do meu prédio, ou de Se sentar na mesa ao meu lado no café ou de vir no mesmo banco que eu no metro... Até é capaz de viver na mesma casa que eu... Anda por aí ansioso e sequioso da minha atenção... talvez "disfarçado" de marido, de irmão, de sacerdote, de filha/o, de cunhada/o, de esposa, de empregada, de amiga/o, de conhecida/o... Cruza-Se comigo a toda a hora... Serei capaz de O reconhecer? Aparece-me onde menos O espero... para me ensinar, curar, conversar, evangelizar, falar dELE... NESTE TEMPO!


"Naquele tempo, disse Jesus aos Seus discipulos: Que vos parece? Se um homem tiver cem ovelhas e uma se tresmalhar não deixará as noventa e nove nos montes para ir procurar a que anda tresmalhada...?"
(Do Evangelho da Missa de 09/12/08, Mt. 18,12-14)

Jesus anda à procura da ovelha tresmalhada, Ele "anseia" nascer no seu coração. Este é o tempo da preparação desse encontro entre o Pastor e a/o tresmalhada/o... Mas, será que me quero deixar encontrar? Não estarei a fugir, tão preocupada/o com os enfeites e os presentes ao ponto de me esquecer "O PRESENTE" de Natal? Advento, o tempo de pararmos e de nos sentarmos com tempo diante d"O Presente" e começar desde já a desembrulhá-lo... Devagarinho... curiosamente... e espreitar o que está la dentro...


"Naquele tempo, Jesus exclamou: 'vinde a Mim todos vós que andais cansados e oprimidos, e Eu vos aliviarei...'."
(Do Evangelho da Missa de 10/12/08, Mt. 11,28-30)

Como não hei-de andar cansado... oprimido... se sou escravo do que o mundo me exige, ou seja: ser o primeiro, o mais eficiente, o mais esperto, o mais rico, o mais estudioso, o mais chic, o mais rápido, o mais produtivo... UFF!!!! Jesus conhecendo os meus "curto-circuitos" desafia-me: "Eu Sou o teu Descanso, a solução para a tua estafadeira! Ser o primeiro é muito, muito cansativo... VEM A MIM! PORQUE SÓ EU TE POSSO ALIVIAR (=ENSINAR)...". Gosto de me imaginar no colo de Jesus... lá percebo que não é tão importante assim a voz insinuante do mundo a chamar-me ao primeiro lugar... Esse colo é capaz de me libertar dessas exigências! Vamos experimentar? E depois... que importa se fôr o 2º? Ou mesmo o último... ...se fôr íntegra/o?

Teresa Olazabal

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

Preparando a vinda d'Ele

Conforme prometido, aqui ficam as primeiras reflexões da Teresa Olazabal, sobre passagens das leituras desta semana.
Bom Advento

“Jesus foi para junto do mar da Galileia e, subindo ao monte sentou-se. Veio ter com Ele uma grande multidão trazendo coxos, aleijados, cegos, mudos para serem curados. E Jesus curou-os..."
(Do Evangelho da Missa de 03/12/08, Mt 15,29-37)

Estou inquieta... Não deveria ir até lá também? Afinal os meus passos tropeçam facilmente e, coxos, hesitam no caminho a seguir...; o meu coração, cheio de feridas e ressentimentos aleija-me o viver e tapo-o com medo, não me quero encarar; cega, estou incapaz de ver a beleza no coração de cada irmão, presa como estou- na minha cegueira - às aparencias; e muda, calo-me diante da injustiça, da corrupção e da mentira, acagaçada com o que podem pensar, dizer… Tanta coisa para curar… limpar... transformar...

E se fosse “lá” também? Corro à praia. Jesus ainda lá está, aquele olhar penetrante e doce, sem ressentimento nem reprovação, todo Ele só AMOR! Estava à minha espera cheio de compaixão, acolhimento e perdão... Ajoelho-me e sou aconchegada num abraço sem fim. Ele continua lá, talvez à espera de si, e de si, e também de si... Quais são as suas mazelas? Só Ele as pode curar, só ELE a/o pode ressuscitar...!


"Nem todo aquele que diz 'Senhor, Senhor' entrará no Reino dos Céus mas só aquele que faz a vontade do Meu Pai..."
(Do evangelho da Missa de 04/12/08, Mt 7,21.24-27)


Esta verdade "apanha-nos" a todos! É... rezamos o Pai Nosso... vamos à Missa... até rezamos o terço... convidamos o Sr. Prior para jantar... não matamos, não roubamos... fazemos umas coisitas... isto é, e resumindo, dizemos: "Senhor, Senhor..". Mas... e a VONTADE do Pai? Qual foi a última vez que me sentei diante de Jesus e Lhe perguntei frontalmente "olhos nos olhos": "o que queres de mim, Senhor? Qual a Tua vontade em relação a esta decisão, esta relação, esta zanga, este gastar, este trabalho?" Qual é o centro da minha vida? O que me move? O "mundo", ou Deus? Acerto o meu passo ao do Senhor, ou quero obriga-lO a acertar o dELE ao meu? "Nem todo o que diz Senhor, Senhor..." mas sim aquele que tem a coragem de enfrentar, cortar, mudar, acabar, ser diferente -mesmo que isso a/o leve á Cruz. Ao Seu lado, inclinado para ele amorosamente, estará, atento e cheio de compaixão, de mão estendida, Jesus...


"Assim fala o Senhor Deus: daqui a muito pouco tempo não há-de o Líbano transformar-se num jardim e o jardim parecer uma floresta?... E o tirano deixará de existir... "
(Da 1ª. leitura da Missa de 05/12/08, Isaías 29,17-24)

"Daqui a muito pouco tempo"... virá Aquele que é a Beleza e a Abundância... Virá Aquele que vem libertar a minha liberdade, acabando de vez com o "tirano" que me tem escravizada/o e acorrentada/o, ao ponto de criar raízes no meu coração amarrando-o e amedrontando-o.

É... será "Daqui a muito pouco tempo"...
Quero acolhê-lO ou vou "prescindir" dELE por mais um ano?

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

Próxima reunião

Quinta-feira é dia de festa, porque teremos reunião do grupo!!!
Devido às dificuldades de alguns, manteremos a hora inicial - 18h30.
Para além do tema, temos que tratar do número para a festa de Natal e da nossa saída.
Quanto ao número, quem quiser pode lê-lo aqui. Foi um ficheiro que a Kika1 colocou no fórum, no site das edições. É uma boa sugestão, mas que dá algum trabalho. Leiam para terem uma ideia. A nossa coreógrafa "Joana di Camilis" já está a desenvolver ideias...
Beijaços

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

Festa de Natal

Pessoal, já se começa a falar em Advento e Natal e como tal temos que começar a pensar em números para a Festa de Natal...o tempo passa a correr e temos que entregar o papel do ensaio geral até dia 6 por isso toca a puxar pela cabeça.

É preciso pensar também no nosso retiro de fim de ano. Temos que decidir onde vamos e começar a tratar das coisas.

Beijo

Reflexões em tempo de Advento



Já todos vocês conhecem a minha profunda admiração pela Teresa Olazabal. Várias vezes temos falado nela e na sua acção social junto dos sem-abrigo da cidade do Porto. Por falar nisso, para todos aqueles que quiserem participar, hoje é dia de oração na escadaria da Igreja da Trindade (atrás da Câmara Municipal), às 21h.

Bem, mas a razão deste post, tem a ver com o Advento. Uma das características da Teresa é seu grande dom da escrita. À semelhança de anos anteriores, ela vai partilhar as suas reflexões sobre o Advento, para nos ajudar a preparar a chegada do Menino! Aqui estão as primeiras palavras dela:

O ADVENTO = ESPERA, já começa no próximo Domingo. Advento é o tempo que a Igreja nos concede para percebermos bem o que é o Natal, o que fazer com esta espera... Há pessoas que acham que o Natal é a altura de dar presentes... há outras que acham que é uma festa de familia... outras ainda pensam que é o dia em que se come o bacalhau, ou que as ruas têm música, enfeites... Vamo-nos debruçar um bocadinho sobre o significado do Natal,

ESSE DIA TÃO ÚNICO EM QUE JESUS ANDA À PROCURA DE UM SÍTIO PARA NASCER

Há 2000 anos nasceu em Belém, este ano anda à procura de um sítio mais perto... será na minha casa? No meu coração? O que Lhe respondo se Ele me perguntar se quero que nasça lá? Fecho-Lhe a porta ou ofereço a minha pobreza com amor?


Fica aqui o compromisso de ir colocando as suas brilhantes reflexões.
Para quem quiser ficar a conhecê-la melhor basta clicar aqui, ou aqui.
Tem também um livro muito interessante (à venda nas edições), que se chama Hoje, Senhor.

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Recordando a mãe



Hoje festejamos o 152º aniversário da morte da mãe de todos aqueles que se sentem ligados aos salesianos: a mãe Margarida. Faleceu em 1856, no dia 25 de Novembro.

Numa vida em que foi obrigada a fazer escolhas às vezes dramáticas (como o afastamento do filho mais pequeno - D. Bosco - de casa para não romper com a paz e para fazê-lo estudar), conduziu com fé, sabedoria e coragem o desenvolvimento das capacidades dos filhos, ajudando-os a crescer na generosidade e no espírito de iniciativa.
Acompanhou com um amor particular João até o sacerdócio e depois, deixando a sua querida casa no Colle, seguiu-o na sua missão entre os jovens pobres e abandonados de Turim. Aqui, durante dez anos, a sua vida confundiu-se com a do filho e com os inícios da Obra salesiana: foi a primeira e principal Cooperadora de Dom Bosco; com uma grande bondade tornou-se o elemento materno do sistema preventivo; é, sem sabê-lo, “co-fundadora” da Família Salesiana que criou santos como Domingos Sávio e P. Rua.
Analfabeta, mas cheia daquela sabedoria que vem do céu, foi uma ajuda (quantas vezes a única), para tantos jovens pobres e abandonados na rua, filhos de ninguém. Colocou Deus acima de tudo, consumando-se por Ele numa vida de pobreza, de oração e de sacrifício.

Recordamo-la com especial carinho no dia de hoje e, em família, vamos fazer uma oração na capela do COP, hoje às 21h.
Estás convidado!

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

Mensagem do nosso Bispo



Numa altura em que já se começam a ver as luzes de Natal espalhadas pelas ruas, as pessoas a correr atrás dos primeiros presentes, achei oportuna esta mensagem do nosso Bispo, D. Manuel Clemente:

Bispo do Porto defende educação para uso do poder de escolha

O Bispo do Porto defendeu ontem que é urgente em Portugal uma grande obra educativa e cultural «que abranja a educação dos consumidores para o uso responsável do seu poder de escolha», sobretudo numa sociedade onde o sistema económico em si mesmo não possui critérios que permitam distinguir correctamente as formas novas e mais elevadas de satisfação das necessidades humanas, artificialmente criadas que se opõem à formação de uma personalidade madura.
Falando nas Jornadas Pedagógicas do Centro de Estudos Filosóficos e Humanísticos do Centro Regional de Braga da Faculdade de Filosofia da Universidade Católica Portuguesa, subordinadas ao tema “Escola Sucesso e Excelência”, D. Manuel Clemente disse acreditar residir nesta ideia, alargada a todo tipo de bens, «o critério mais seguro de sucesso e de excelência, para uma escola imbuída de humanismo, e humanismo cristão».

Segundo o prelado, «o nosso tempo exige uma intensa actividade educativa e um correspondente empenho por parte de todos, para que a investigação da verdade, não redutível ao conjunto ou a alguma das diversas opiniões, seja promovida em todos os âmbitos e prevaleça sobre qualquer tentativa de relativizar as exigências ou de causar qualquer tipo de ofensa».

Para D. Manuel Clemente, na procura, no compromisso e no acreditar na verdade, a contribuição do cristianismo resume-se bem na interpelação que Cristo nos lança, ou seja, de que vale ao homem ganhar o mundo inteiro se vier a perder-se a si mesmo. «Interpelação que ultrapassa os limites da confessionalidade estrita para se repercutir no universo das consciências. Mas que deve estar presente, como fio condutor em toda a escola, rumo a um sucesso seja antes de mais os das próprias vidas, e uma excelência que se aproxime da totalidade, não do fragmento», acrescentou.

Para o Bispo do Porto, hoje, apesar do muito que ainda falta, as pessoas dispõem do que nunca dispuseram em meios como os que existem actualmente. Daí que o maior desafio da escola e da educação, salientou, «seja, precisamente, a coexistência do mercado e da dispersão». «As sondagens mostram que um dos maiores passatempos dos rapazes a partir dos 17 anos é ver montras, em que mais são olhados e atraídos como consumidores do que se olham a si mesmos como indagadores e criadores», realçou. Assim, na opinião do prelado, qualquer sucesso educativo deve ser traduzido numa maior capacidade de discernir e escolher bem, «sábia e responsavelmente, como quem tem de responder pela escolha perante si e perante os outros».

(in http://www.agencia.ecclesia.pt)

sexta-feira, 21 de novembro de 2008

Formação - Ano Paulino

Amanhã, Sábado, é dia de formação no nosso Centro Juvenil.
Em família, vamos reflectir sobre o documento: "Ano Paulino, Uma Proposta Pastoral - Nota Pastoral da Conferência Episcopal Portuguesa"
(http://www.patriarcado-lisboa.pt/documentacao/2008_ano_Paulino_CEP.htm)
Esta formação, para além de servir para crescermos enquanto cristãos e animadores, está inserida no contexto do compromisso de animadores. Então o programa vai ser:

Sábado:
16h30 - formação
19h30 - jantar convívio
21h00 - vigília de oração

Domingo:
11h00 - Eucaristia de Cristo-Rei (com compromisso de animadores)

Um fim de semana em cheio!
Aparece que serás bem vindo.




PS: Outra razão para aparecer na formação, é porque vai ser dada pelo nosso animador!!!

quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Hoje é dia de...

Reunião!!! Iiiuuppiii!!!
E olhem que vai valer a pena, pois o nosso animador de hoje promete caprichar!
Iremos hoje terminar o programa que temos vindo a seguir: "Apoiar".
Por isso já sabes, se quiseres aparece às 21h... no sítio do costume!

domingo, 9 de novembro de 2008

Notícias & viagens


Só para avisar da próxima reunião: dia 13, 21h00. Tal como foi combinado.
Daqui a pouco vou até Paredes para a ordenação do Sílvio.
Ontem estive lá com os adolescentes e na vigília de oração.
É evidente que este tema da vocação já "enjoa" alguns do grupo. Porque lhes parece ser apenas uma questão de marketing de recrutamento para uma organização (no caso os salesianos).
É pena.
Acho que está em jogo muito mais do que isso.
Ontem convidada, na sequência de algumas canções do Valter, a reflectir 2 perguntas: Onde queres chegar? O que tens para dar?
São questões difíceis. E tentei fazer passar a ideia de que as duas perguntas são sinónimas. Não gramaticalmente. Mas existencialmente.
E são pistas para responder ao desejo de felicidade. As únicas possíveis. Em oposição ao desejo de auto-realização (dês-lhe o nome que quiseres). Um desejo auto-referencial é infantil, fecha-nos em nós mesmos. Impede-nos o contacto com o outro, a abertura ao futuro (que não seja mera reedição do passado).
E isto tudo sem entrar especificamente nas possibilidade e responsabilidades que a vida de fé (relação forte, consistente e coerente com Cristo vivo e com o seu projecto) nos oferece.
Possivelmente esta conversa a esta hora (a correr antes de ir à missa) passa ao lado de alguns. Façam um esforço. Um dia destes temos de falar disto com mais calma.

sexta-feira, 7 de novembro de 2008

Magusto CJS



Como é hábito todos os anos, amanhã vamos ter o nosso magusto do Centro Juvenil.
Mas afinal quem foi S. Martinho? Podes saber mais aqui:

http://smartinho.blogspot.com/

Por isso, se quiseres divertir-te, conviver e comer umas castanhas... aparece amanhã por volta das 15h no CJS.

quarta-feira, 5 de novembro de 2008

Ordenação Sílvio

Já não é notícia: o Sílvio será ordenado sacerdote no próximo Domingo, em Paredes.

Eu e o Valter de arcozelo vamos animar uma acção com os adolescentes de lá, na véspera à tarde; à noite a Claudine orienta a vigília de oração.
Vamos lá a combinar a ida.

segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Apoiar: sexualidade e relações

Só para fazer a síntese da última reunião.
Agradecer a todos os que avisaram que não poderiam aparecer. recordar aos que não apareceram (e não avisaram) que este tipo de comunicação honesta era importante para melhorar a qualidade do grupo e sinal de maturidade.
Continuamos a trabalhar com o Programa Apoiar. Avançamos para mais um tópico: sexualidade e relações.
Tentámos uma definição de sexualidade. Emergiram algumas ideias, mormente que a dita abrange todas as dimensões do nosso existir.
tentámos identificar a seguir as vozes que ouvimos a respeito da sexualidade.
Do lado dos media (cinema, publicidade, música...) há mensagens fortes a propor uma sexualidade fragmentada (isto é, que não integra todas as dimensões da pessoa) e a ideia da mulher como objecto.
DO lado das relações mais próximas (família, professores, amigos, Igreja)... há um certo silêncio, uma grande dificuldade em comunicar.
Da reunião eu destacaria algumas coisas.
Uma muito positiva (que já se tinha notado bastante na reunião anterior) que é a vontade de "disclosure", de abertura, de partilha não só se opiniões mas de vivências. Mesmo o reconhecimento da "ignorância" é feito de forma honesta.
Outra é a dificuldade que, neste tema, temos em falar das vivências mais actuais. Na minha interpretação isso vem do facto de "moralizarmos" em excesso este tema. Ou seja, facilmente catalogamos as nossas vivências (ou tememos que os outros o façam).

domingo, 2 de novembro de 2008

Uma Estrela na Form@cção GPS

A pedido de vários fãs incondicionais, chegam finalmente as fotos e vídeos da Form@cção GPS do passado dia 11. Um dia bastante preenchido, vivido em Igreja, e fortemente embelezado pelo concerto proporcionado pelo Valter, Ana Manuela e João Pedro. Aqui ficam as fotos e os vídeos do cd que está quase a sair...

video

video

video

video

PS: Aproveitem para descobrir onde está a Catarina...

terça-feira, 21 de outubro de 2008

Taizé, amanhã, Taipas

como tinha ficado de fazer, aqui está o lembrete, para quem quiser:
amanhã, 22 de Outubro, às 21h30, na igreja das Taipas - Oração Taizé

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

Grande tema!

Antes de mais, os parabéns à Inês.
Não é só a falar de fé que ela tem jeito.
Preparou com muito simplicidade e engenho o tema.
Pôs as pessoas a falar com liberdade.
Além disso acho que vale a pena observar que as pessoas estavam mesmo disponíveis para falar e para ouvir.

terça-feira, 14 de outubro de 2008

Inês stariing in "Luto e perda"

Isto do blog está altamente paradito, mas vou ter fé que alguém vai ler isto.
Amanhã, dia 8 Outubro 2008, reunião do grupo.
Há uns acertos por causa da liturgia.
Vamos continuar a trabalhar os materiais do programa Apoiar. A Inês vai orientar o tema. É um tema pesado. Como lidar com perda e luto. Mas por isso mesmo é bom termos algo de significativo e cristão a "dizer" a quem passa por essa experiência tão difícil.

domingo, 12 de outubro de 2008

e parabéns ao João?

Então ainda ninguyém postou umas fotos do concerto do João? E da ana que estava com um visual todo "isabel dos Kyrios"?

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

parabéns ao Ulisses


pela sua carta.
Pobres é de nós.

A tua pequena dor....Que não mata mas que mói!!!



Hoje à tarde andava aqui pela net e descobri esta música..que acho linda...e depois do Tema abordado hoje acho que faz um pouco de sentido..(apesar de algumas partes serem um pouco contraditórias ao que hoje estivemos a ver..loli)

terça-feira, 7 de outubro de 2008

Reunião amanhã

Voltamos a reunir-nos amanhã (8 out 08; 21h00; no centro juvenil).
De acordo com o planificado vamos continuar a trabalhar mais alguns módulos do programa Apoiar.
Começámos no acampamento a aumentar as nossas competências como apoiantes de companheiros em dificuldade.
Evangelizar, partilhar a fé em Jesus Cristo não se reduz a fazer catequese ou animar a liturgia.
Uma presença de qualidade diante dos colegas (escola, trabalho, diversão...) ajuda-os a dar mais qualidade à sua vida. Faz acontecer o Reino. Torna presente aquele Cristo que disse: "Eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância".
Tudo o que fazemos para fazer recuar as fronteiras da morte, é evangelizar.
No acampamento trabalhámos já:
>> O Conceito de apoiante
>> Quando intervir pessoalmente e quando intervir pedindo apoio a profissionais competentes
>> Comunicar melhor
>> Drogas e álcool

Amanhã iríamos aprender a apoiar colegas em situação de depressão e possibilidade de suicídio.

sexta-feira, 3 de outubro de 2008

Parabéns Cláudia

Todas as bênçãos para ti, neste dia de pensar e fortalecer a vida.

terça-feira, 30 de setembro de 2008